Gambozino é uma animal imaginário.
Andar aos gambozinos, significa andar à toa, vaguear, vadiar, vagabundear.
É isto que eu prendendo: vaguear por vários assuntos, vários lugares, ao correr da imaginação e da disposição.

quarta-feira, 16 de abril de 2008

Amanhecer

Já há algum tempo que não me dispunha a ir ver nascer o Sol. Ontem, dia 15, quando cheguei ao limite da vila, já o astro estava acima da linha do horizonte, como se pode ver na fotografia.
Hoje saí mais cedo, mas as espessas nuvens que se concentravam sobre o vale do Guadiana não permitiram ver o Sol aparecer.
No entanto, a saída matinal não foi totalmente perdida. Quando a escuridão começou a ser vencida pelo raiar do dia, os sentidos foram invadidos por fenómenos únicos. No ar pairava um intenso perfume a flor de laranjeira e as aves pareciam competir numa sinfonia de cantos e chilreios. Foi possível identificar o canto dos pintassilgos e dos melros, acompanhados pelos sons emitidos pelas rolas. À medida que o dia clareava, as aves iam-se calando, tornando menos intenso e mais intercalado o seu canto.

1 comentário:

Shakadal disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.